quarta-feira, 28 de março de 2012

Tudo é amor.
Até o ódio, o qual julgas
ser a antítese do amor,
nada mais é senão o próprio amor
que adoeceu gravemente

Um comentário:

Vanessa disse...

Tudo, tudo, Camis!

Amor é grão
grão acolhido na mão
para soprar camadas secas
ao vento

V.